😷 COVID-19: Novo Horário de Atendimento! Via Telefone: Seg a Sex das 09h às 16h | Via CHAT, E-mail e WhatsApp: Seg a Sex das 09h às 18h

Gestão sustentável na escola: incentivando a sustentabilidade da gestão à sala de aula

Tempo estimado de leitura: 4 minutos

A sustentabilidade é um tema discutido há muito tempo e que ganha cada vez mais espaço nas escolas. Durante a atual crise ambiental, a preservação do planeta se tornou um assunto fundamental para ser debatido em sala de aula

O conceito de sustentabilidade é formado por aspectos ambientais, sociais e econômicos e tem como objetivo principal fazer com que as gerações futuras possam se desenvolver sem prejudicar sua saúde e o meio ambiente. Nesse cenário, a gestão escolar sustentável tem o papel de investir na formação dos alunos como cidadãos e fazer com que esse assunto esteja presente em todos os momentos, da gestão escolar à sala de aula.

Uma educação de qualidade é a chave para formar pessoas socialmente e ambientalmente conscientes. Por isso, é preciso que um conjunto de ações se transformem em hábitos e práticas diárias que visem não prejudicar o meio ambiente.

A gestão sustentável é o trabalho de identificar essas estratégias e colocá-las em ação por meio da gestão de pessoas, da escola e do meio ambiente.

Assim, com a execução de projetos que envolvem professores, alunos, familiares, gestores, funcionários e a comunidade escolar, a escola pode começar a desenvolver práticas sustentáveis e ensinar a importância dessas atitudes para os alunos.

Por que colocar em prática uma gestão sustentável na escola?

Assuntos como a escassez de recursos naturais e a degradação do meio ambiente são próximos ao dia a dia dos alunos e, por isso, é importante que eles conheçam tanto as causas e consequências desses problemas quanto as ações que permitirão a utilização de recursos naturais sem colocar em risco o meio ambiente.

Além disso, a gestão escolar precisa realizar seu papel de formar os futuros cidadãos, já que os alunos de hoje irão se tornar políticos, empresários e cientistas. Por isso, as escolhas para salvar o planeta estarão em suas mãos e o conhecimento será fundamental para criar um futuro melhor.

Outro motivo para desenvolver uma gestão sustentável na escola é o fato de que os principais hábitos de um indivíduo são desenvolvidos desde a infância. Assim, a escola deve abordar o tema da sustentabilidade desde cedo para formar adultos com valores e conhecimentos sólidos sobre a relação entre o meio ambiente e os seres humanos.

Uma escola que se torna referência na área da sustentabilidade também amplia seu alcance e influencia a sociedade de uma maneira geral. E essa é uma forma de controlar o impacto dos problemas ambientais e criar um futuro mais sustentável para as próximas gerações.

Como trabalhar a sustentabilidade na escola

O primeiro passo para implementar uma gestão sustentável na escola é entender que esse princípio deve fazer parte de todos os aspectos da instituição, desde a sala de aula até a atuação de gestores e equipe pedagógica.

Para isso, professores e alunos têm um papel fundamental e a gestão deve fazer com que todos se engajem para colocar as atitudes sustentáveis em prática.

Confira algumas formas de trabalhar a sustentabilidade na sua escola e realizar uma gestão sustentável:

Levante o histórico da instituição

Para começar a implantar uma gestão sustentável na escola, é preciso fazer um levantamento do estado geral da instituição para embasar as próximas ações. As informações mais importantes a serem analisadas são:

  • Quanto a escola gasta com recursos como água, energia, alimentos e materiais;
  • Quanto não é aproveitado e é jogado no lixo;
  • Qual a situação da estrutura física da instituição, como instalações elétricas e hidráulicas, ventilação, isolamento acústico etc.

A partir desse levantamento, os gestores podem refletir e tomar atitudes para reduzir ou otimizar o consumo de água, como utilizar a água da chuva para irrigar os jardins, por exemplo.

Evite o desperdício

A partir das informações específicas sobre a escola, o gestor pode começar a dialogar com professores, alunos e funcionários para criar um projeto contínuo de sustentabilidade.

As primeiras ações podem envolver o espaço físico da instituição, em busca de materiais que possam ser reaproveitados, lugares que podem ser melhor utilizados e formas de reduzir o desperdício de água, energia e alimentos, por exemplo.

Implementar uma gestão sustentável também envolve observar e readequar a forma como o lixo da escola é descartado. A reciclagem e o reaproveitamento de materiais como papéis, embalagens e equipamentos eletrônicos são fundamentais para ensinar aos alunos a importância do consumo consciente no dia a dia.

Incentive a participação da comunidade escolar

Uma escola sustentável é criada com a participação da comunidade em seu entorno. Assim, quando a escola adota práticas de redução de resíduos e criação de uma horta comunitária, por exemplo, tem impacto positivo sobre o ambiente ao seu redor.

A partir do vínculo da instituição com a comunidade em que está inserida, os alunos também se envolvem mais nos projetos sustentáveis e ajudam a disseminar essas atitudes para a sociedade.

Agora que você já sabe o que é uma gestão sustentável e como colocá-la em prática, confira outras dicas no nosso e-book gratuito Sustentabilidade na Escola.