Como reduzir janelas no horário escolar

Tempo estimado de leitura: minutos

As janelas no horário escolar podem afetar a produtividade de professores e alunos. Saiba como otimizar esse processo e melhorar o desempenho da escola.

Um dos maiores empecilhos para geração de uma grade horária eficiente são as janelas – aulas vagas – nos horários dos professores. Assim, reduzir a quantidade de janelas no horário escolar é uma forma de diminuir os custos – quando o tempo ocioso do docente é remunerado – e melhorar o desempenho dos professores em sala de aula.

O horário escolar é fundamental para a realização das atividades escolares. Uma boa grade de horários não apenas otimiza o tempo dos alunos e professores, mas também o espaço e os recursos da escola.

A elaboração de um horário escolar eficiente melhora o ambiente e a relação entre as pessoas que participam do dia a dia da escola, contribuindo para o desenvolvimento de programas e práticas institucionais. 

Da mesma forma, muitos problemas de aproveitamento de tempo, qualidade do aprendizado e produtividade dos professores em sala de aula estão relacionados às dificuldades de elaboração de um horário escolar eficiente.

Isso ocorre por que esta é uma atividade complexa, que costuma ocupar muito tempo dos gestores, já que durante a elaboração é preciso levar em conta diversas variáveis. 

Entre elas estão a disponibilidade de cada professor, a utilização das salas, o deslocamento entre sedes, o número de janelas entre as aulas e outros fatores relacionados à gestão escolar, como as atividades extracurriculares e período de provas, por exemplo.

Entre os benefícios que um horário escolar que preza pela redução de janelas, está a economia de recursos, já que minimiza o pagamento de horas em espera.

Além disso, os professores se sentem mais valorizados e respeitados, uma vez que não ficarão ociosos na instituição entre uma aula e outra. Esse aproveitamento do tempo do professor melhora o desempenho em sala de aula, beneficiando os alunos

O que são janelas?

Segundo o Sindicado dos Professores de São Paulo “considera-se janela a aula vaga existente no horário do PROFESSOR entre duas outras aulas ministradas no mesmo turno.”

Em alguns estados, esse tempo ocioso é remunerado, mesmo o professor não estando em sala de aula.

Por isso, durante a elaboração do horário escolar, os gestores procuram diminuir o número de janelas, já que um horário que não contempla esse detalhe, prejudica a escola financeiramente e, como vimos, afeta o desempenho dos professores. 

Exemplo de Janela no Horário dos Professores

Exemplo de Janela no Horário dos Professores

Por isso, a elaboração do horário escolar é uma atividade complexa que deve ser realizada com total atenção, já que afeta a rotina da escola como um todo. Ao reduzir o número de janelas no horário escolar, os gestores melhoram a distribuição de recursos na instituição e a satisfação dos profissionais.

Como reduzir a quantidade de janelas no horário escolar?

elaboração do horário escolar é uma tarefa complexa e que demanda muito tempo dos gestores, principalmente no início de cada ano letivo. Por isso, usar apenas papel e caneta não é o suficiente para criar a grade de forma rápida, simples e eficiente.

Assim, a melhor forma de reduzir a quantidade de janelas no horário escolar sem precisar se preocupar com todos os fatores envolvidos é utilizar a tecnologia a favor da gestão escolar.

Um exemplo disso é a utilização de sistemas como o URÂNIA – A solução na elaboração de horários escolares. 

A inteligência artificial do software tem alta capacidade de processamento de informações e contribui para otimizar o tempo da equipe pedagógica e os recursos financeiros da instituição, além de contar com uma funcionalidade exclusiva para redução de janelas.

Se a quantidade de janelas do horário dos professores da sua instituição são um problema, conheça todas as vantagens do URÂNIA pode oferecer para a sua escola.