😷 COVID-19: Novo Horário de Atendimento! Via Telefone: Seg a Sex das 09h às 16h | Via CHAT, E-mail e WhatsApp: Seg a Sex das 09h às 18h

Como realizar a reposição de aulas após a pandemia?

Tempo estimado de leitura: 4 minutos

Da educação infantil ao ensino superior, instituições de ensino de todo o Brasil suspenderam as aulas devido à pandemia do coronavírus. A totalidade da rede educacional brasileira está sem atividades presenciais desde março e a preocupação com a reposição de aulas atinge gestores, professores, pais e alunos.

Nesse novo cenário, a educação a distância surgiu como uma alternativa para manter as atividades de ensino dos alunos, mesmo com o distanciamento social. No entanto, é importante que as escolas comecem a planejar e organizar a volta à normalidade e, com isso, a reposição de aulas.

Ainda não há uma previsão oficial de retorno, mas o Ministério da Educação (MEC) já autorizou que as escolas distribuam a carga horária em período diferente dos 200 dias previstos em lei, mantendo as horas determinadas para cada nível de ensino. 

Com isso, a previsão é de que o ano letivo se estenda até 2021, já que na prática as instituições de ensino terão menos tempo para cumprir a carga horária regular. 

Diretrizes para o calendário escolar 2020

Para ajudar as escolas a reorganizarem o calendário escolar de 2020, o Conselho Nacional de Educação (CNE) criou um material para orientar os estados, municípios e escolas sobre as práticas que devem ser adotadas durante a pandemia de coronavírus e após o retorno, buscando facilitar a reposição de aulas.

Uma das recomendações presentes no documento é de que as escolas reprogramem as férias, utilizem o recesso escolar do meio do ano e realizem aulas aos sábados para repor essa carga horária quando as aulas retornarem.

Também é possível ampliar a jornada escolar diária ou usar o contraturno para realizar as atividades escolares.

Com base em todas as possibilidades legais, as determinações práticas e a decisão final sobre o calendário escolar 2020/2021 ficarão a cargo de cada Rede de Ensino.

Porém, deve-se levar em conta que, embora algumas escolas tenham conseguido iniciar a rotina online com seus alunos logo no início do distanciamento social, a grande maioria encontrou dificuldades neste processo, demorando um pouco mais para iniciá-las, o que, aparentemente, dificulta ainda mais a reposição adequada de carga horária dentro do ano de 2020. 

Assim, a organização e o planejamento serão fundamentais para um retorno tranquilo e sem maiores imprevistos.

Esta organização passa, sem dúvidas, por iniciar o processo de retomada das atividades presenciais na escola com as grades horárias prontas e já prevendo a reposição de aulas. Desta forma, os gestores ficarão com tempo livre para resolver os inúmeros desafios que esta retomada trará. 

Como o URÂNIA pode ajudar sua escola na reposição de aulas

A pandemia do coronavírus é um problema mundial e, segundo dados recentes da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), 191 países determinaram o fechamento de escolas e universidades, o que atinge mais de 1,6 bilhão de crianças e jovens em todo o mundo.

No Brasil, a tentativa de conter o avanço da COVID-19 fez com que as aulas fossem suspensas em todos os Estados, o que terá grandes impactos na educação brasileira.

Assim, com o retorno das aulas presenciais, as escolas precisarão refazer os horários escolares e encontrar novas formas de adaptar a carga horária sem prejudicar o processo de ensino e aprendizado. 

Nesta hora, use a tecnologia de ponta como sua aliada e conte com a melhor solução para resolver seus horários escolares. Use o URÂNIA.

O URÂNIA é um software que elabora o horário escolar com alta qualidade pedagógica de acordo com as necessidades das escolas no momento do retorno às aulas presenciais. 

Com o URÂNIA é possível gerar horários escolares que permitam a reposição das aulas da melhor forma possível, seja com o aumento da carga horária diária (mais aulas por dia) ou semanal (aulas aos sábados), ou então por meio de horários que respeitam as disponibilidades dos professores e uso de ambiente coletivos, permitindo a reposição em contraturno, por exemplo.

Outra vantagem do URÂNIA para a gestão escolar é a quantidade de recursos disponíveis, que possibilitam a elaboração de horários-testes e a alteração das grades sempre que necessário.

Quando da volta à normalidade das aulas presenciais, uma grade horária bem elaborada e equilibrada fará toda a diferença no desempenho dos alunos e na motivação dos professores. 

Com uma escola organizada desde o primeiro dia de aula, todos poderão se dedicar ao que realmente importa: a educação.

Nós da Geha Sistemas Especialistas, empresa desenvolvedora do URÂNIA, estamos atentos ao cenário atual para oferecer todo o apoio às escolas quando as aulas presenciais retornarem. Nossa missão é trabalhar para melhorar a educação no Brasil e a qualidade de vida das pessoas envolvidas na rotina escolar.

Por isso, nos colocamos à disposição para colaborar com as instituições de ensino nesse processo de retorno dos alunos e reposição de aulas. Conte com o URÂNIA para manter sua escola organizada e juntos vamos superar todas as dificuldades que a pandemia trouxe para a educação brasileira.