☣️ COVID-19 ☣️ atendimento durante a quarentena: Seg a Sex das 09h às 18h | exclusivamente por CHAT, WhatsApp e e-mail

Entenda quais habilidades sociais são desenvolvidas na escola

Tempo estimado de leitura: 6 minutos

Na escola, os alunos aprendem a ler, escrever e contar, mas os conteúdos presentes no currículo escolar são apenas uma parte do aprendizado adquirido. As habilidades sociais devem ser trabalhadas ao longo de toda a formação das crianças e adolescentes, tanto na escola quanto em casa.

A convivência com os colegas e professores contribui para a formação da personalidade dos alunos desde os primeiros anos de ensino. Todos têm potencialidades e habilidades sociais que podem ser transformadas em competências para viver em sociedade e estar preparados para o mercado de trabalho.

Segundo o relatório para a UNESCO “Educação: um tesouro a descobrir”, a educação ao longo da vida baseia-se em quatro pilares:

  • Aprender a conhecer: ao combinar a cultura geral com a possibilidade de estudar em profundidade alguns assuntos específicos, o indivíduo pode se beneficiar das oportunidades geradas pela educação ao longo da vida.
  • Aprender a fazer: com esta competência, os alunos se tornam capazes de trabalhar em equipe e lidar com diversas situações sociais e de trabalho.
  • Aprender a conviver: com o respeito aos valores do pluralismo, da compreensão mútua e da paz, as pessoas aprendem a compreender o outro e se tornam aptas a gerenciar conflitos.
  • Aprender a ser: a educação deve levar em consideração todas as potencialidades de cada pessoa para ajudá-la a desenvolver competências como autonomia, discernimento e responsabilidade pessoal.

Em um mundo cada vez mais globalizado, é importante que a escola utilize esses pilares como base para a formação de cidadãos conscientes e capazes de tomar decisões importantes a partir de seus princípios e valores.

Habilidades sociais desenvolvidas na escola

As habilidades sociais são a capacidade de cada pessoa expressar adequadamente seus desejos, opiniões e sentimentos de acordo com o ambiente em que está inserida. Por meio dessas competências, o indivíduo pode se relacionar com outros indivíduos e agir conforme as normas e comportamentos da sociedade.

O desenvolvimento dessas aptidões começa ainda na infância e, por isso, a escola tem um papel fundamental nesse processo. Os pais e familiares também devem estar atentos às atitudes das crianças e participar do desenvolvimento das suas habilidades sociais.

Segundo Del Prette e Del Prette (2005), existem sete classes gerais de habilidades sociais na infância que devem ser promovidas para assegurar o bem-estar e desenvolvimento socioemocional da criança. Veja quais são e como desenvolvê-las:

1.Autocontrole e expressividade emocional

Saber reconhecer as próprias emoções e as dos outros é fundamental para viver em sociedade e desenvolver relacionamentos pessoais e profissionais. Além disso, a partir da identificação das emoções, a criança também deve aprender a controlá-las em momentos inapropriados e entender a melhor maneira de expressar sentimentos positivos e negativos.

2.Civilidade

A civilidade envolve as regras sociais e as boas maneiras para conviver em sociedade. A partir desse aprendizado, o aluno passa a relacionar-se melhor com as pessoas ao seu redor e começa a fazer parte de grupos sociais importantes para seu desenvolvimento socioemocional.

3.Empatia

A empatia pode ser definida como a capacidade de se colocar no lugar do outro e é fundamental para um bom convívio social. As pessoas que desenvolvem essa habilidade desde cedo conseguem lidar melhor com problemas, adversidades e resolução de conflitos.

Assim, uma pessoa empática é mais responsável ao tomar decisões e tem uma visão mais completa das consequências de suas escolhas, não apenas para si mesma mas também para a sociedade.

4.Assertividade

Pensar e agir de maneira assertiva envolve comunicar seus sentimentos, saber lidar com críticas, negociar interesses diferentes e ter ampla noção de igualdade de direitos e deveres. Esse aprendizado começa na escola a partir do relacionamento entre colegas e professores e se estende também para os grupos familiares.

5.Solução de problemas interpessoais

A capacidade de lidar com situações de estresse e conflito é fundamental para criar relacionamentos saudáveis, seja na vida pessoal ou profissional. Na escola, o professor tem o papel de mediar a resolução de conflitos entre os alunos e ajudá-los a perceber a importância de refletir antes de agir, buscando alternativas satisfatórias para todos.

6.Fazer amizades

As amizades têm grande importância para o desenvolvimento social e emocional das pessoas, principalmente durante a infância e adolescência. Para isso, a troca de informações e o convívio com pessoas diferentes na escola é fundamental para a formação de cidadãos conscientes.

Além disso, essa competência também ensina cooperação, comunicação, empatia e diversas outras habilidades sociais importantes para o futuro das crianças.

7.Habilidades sociais acadêmicas

Diversos estudos relacionam o desenvolvimento das habilidades sociais ao rendimento escolar. Assim, algumas atitudes como aguardar a vez de falar em sala de aula, oferecer ajuda aos colegas, seguir regras e participar de discussões, por exemplo, auxiliam no aprendizado dos conteúdos e contribuem para um bom desempenho profissional no futuro.

Agora que você já sabe mais sobre habilidades sociais e como trabalhá-las, que tal colocar em prática atividades que desenvolvam essas questões na sua instituição?

Com a automatização de processos que demandam muito tempo da equipe gestora, é possível conseguir mais tempo livre para priorizar projetos que contribuam com o desenvolvimento dos alunos e, consequentemente, com o crescimento da instituição de ensino. 

O URÂNIA é um software que soluciona  horários escolares, respeitando a disponibilidade dos professores e gerando grades com alta qualidade pedagógica, promovendo assim a liberação de um valioso tempo para o grupo de gestores.

O horário tem um grande impacto no dia a dia de alunos, professores e da gestão escolar. Por isso, o URÂNIA tem diversos recursos que melhoram a produtividade dos educadores e o desempenho dos estudantes.

Atualmente, o software é decisivo para que mais de 6 mil escolas de todo o Brasil estejam organizadas e possam realizar atividades para desenvolver as habilidades sociais dos alunos. Entre em contato conosco e descubra o que o URÂNIA pode fazer por sua escola.